Registro de Patente

Ter a patente de um produto significa ter o direito de fabricar, vender ou permitir que outras pessoas fabriquem ou vendam por você esse produto, pagando por isso.

Inventores, empresas do ramo industrial, professores e alunos de mestrado e doutorado podem desenvolver em suas atividades inventos e projetos que são inovadores, e assim passíveis de obtenção de patente.

Empresas que não possuem conhecimento técnico ou leigos chamam a proteção de “Registro de Patente”, porém este nome é tecnicamente errado, o correto é dizer que se promove o “Depósito da Patente” no INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial.

Então, se tiver inventado um produto. Você pode pedir o depósito da patente no INPI. Existem dois tipos de patente:

- Patente de Invenção (PI): para novas tecnologias, sejam associadas a produto ou a processo, como um novo motor de carro ou uma nova forma de fabricar medicamentos. Essa modalidade possui validade de 20 anos.

- Patente de Modelo de Utilidade (MU): para novas formas em objetos de uso prático, como utensílios e ferramentas, que apresentem melhorias no seu uso ou na sua fabricação. Essa modalidade possui validade de 15 anos.

O Depósito da Patente é o único ato possível de proteger sua invenção. Sem ele nada pode evitar que os concorrentes copiem e passem a produzir o seu produto.

São diversos atos e documentos que devem ser preparados para realizar o depósito. Relatório descritivo, reinvindicações, listagem de sequencias, desenhos e resumo.

A ARM presta todo o apoio ao titular da patente na preparação destes documentos, além é claro de promover o acompanhamento do processo administrativo.

E aí? Quer proteger seu bem mais precioso? Entre em contato conosco.

Tributos

Solicite um orçamento

Tributos

Conheça nossos serviços

Tributos

Depoimento de clientes

ENTRE EM CONTATO!






Cadastre-se em nossa Newsletter:

NOSSA LOCALIZAÇÃO: